Resenha-"O lado bom da vida"


Título: O Lado Bom da VidaTítulo Original: The Silver Linings PlaybookLivro ÚnicoAutor: Matthew QuickEditora: IntrínsecaPáginas: 256Ano: 2013


Sinopse: Pat Peoples, um ex-professor na casa dos 30 anos, acaba de sair de uma instituição psiquiátrica. Convencido de que passou apenas alguns meses naquele “lugar ruim”, Pat não se lembra do que o fez ir para lá. O que sabe é que Nikki, sua esposa, quis que ficassem um "tempo separados". Tentando recompor o quebra-cabeças de sua memória, agora repleta de lapsos, ele ainda precisa enfrentar uma realidade que não parece muito promissora. Com seu pai se recusando a falar com ele, a esposa negando-se a revê-lo e os amigos evitando comentar o que aconteceu antes da internação, Pat, agora viciado em exercícios físicos, está determinado a reorganizar as coisas e reconquistar sua mulher, porque acredita em finais felizes e no lado bom da vida. 


Resenha:

 O livro começa com Pat saindo de um hospital psiquiátrico, sem saber o que o fez parar lá.No decorrer do livro o escritor deixa algumas pistas mas mesmo assim fica difícil pois o protagonista não lembra de nada, a unica coisa que ele lembra com precisão é de sua esposa Nikki, e acaba descobrindo que não estão mais juntos. Pat é um cara extremamente carismático,torcedor fanático pelos aergles e dono de um coração de ouro, ele acredita no lado bom da vida...Acredita que se ele se torna-se um cara melhor, provaria que havia mudado para Nikki e assim acabaria com o "Tempo separados".Durante um jantar na casa de um amigo ele conhece Tiffany uma mulher totalmente oposto dele que faz uma proposta a ele, que se ele a ajuda-se a ganhar o concurso de dança ela o ajudaria a reconquista Nikki.

O lado bom da vida é uma narrativa simples sem suspense ou mistérios, como ele possui capítulos pequenos acaba sendo um livro de leitura rápida. Recomendo esse livro para aqueles que apreciam uma trama leve e divertida.

Avaliação:

Postar um comentário