Primeiras impressões: Fugitivos


Encontramos nos livros um mundo melhor, neles podemos ser o que quisermos, estar em algum lugar a qualquer momento, Muitos utilizam os livros como um refúgio para fugir da realidade em que vivemos.

Mas fugitivos é totalmente diferente, nos traz a realidade. Coisas que acontece ao nosso meio, em lugares a poucos quilômetros de distância de nós.

Nessa estoria conhecemos caio um encantador garoto de Petrópolis (RJ) de 15 anos, que esta passando por momentos difíceis em sua vida, após perder seus pais em uma tragédia, Caio ver sua vida mudar, sem parentes próximos e sem seus pais sua unica opção foi recorrer a sua avó de Belo horizonte (MG).
Um dia após sua chegada em belo horizonte Caio conhece Jonas de 11 anos cabelos ruivos, bem tagarela,um amor de pessoa, depois de um convite feito por Jonas, Caio conhece Fernanda irmã de jonas também ruiva, Ali aflora um sentimento forte nunca sentido por eles.


Vidas Cruzada pela dor e ao mesmo tempo pelo amor. Atualmente o mundo em que vivemos tem um grande poder de nós testa infelizmente essa é a vida, mas como tudo tem seu lado bom isso faz com que sejamos mais fortes  para superar e aguentar tudo.


A estoria do livro é fantástica. Os nomes do personagens foi muito bem pensado, nomes que gravamos com facilidade.
Livro escritor por Carlos Barros, a leitura é super fácil de entender.
Ah,Jonas, me encantou com sua simplicidade, e tem o poder de encantar qualquer pessoa.

"Não estou com você para sentir menos dor... Eu sinto menos dor, Porque estou com você. é diferente."

Avaliação:




Postar um comentário