Entrevista: Beatriz Kono


Beatriz Kono nasceu em 1998 (17 anos) e escreveu o rascunho de seu primeiro livro em uma agenda quando tinha apenas doze anos. Desde pequena gosta de ler, escrever e criar suas próprias histórias. Já ganhou um prêmio escolar de melhor protagonista no gênero "literatura fantástica". É estudante do ensino médio e mora em Brasília. “A Guardiã e o despertar do espírito” é seu romance de estreia, e possui alguns contos postados em sites de autores na internet.

1-Como começou o seu interesse pelo fantástico mundo da escrita?

Minha vida sempre fora monótona demais, e eu sempre gostei de magia e coisas sobrenaturais. Queria viver em um mundo com seres fantásticos e fugir para esse lugar paralelo. Aos 10 anos mais ou menos comecei a escrever contos de sereias e fadas os quais nunca terminei. Com 11 eu ganhei um prêmio de literatura da escola e com 12 estava na fase inicial do meu primeiro livro lançado ontem, o "A Guardiã e o despertar do espírito (Vol 1)"! O prêmio me fez querer escrever de verdade, escrever um livro que fosse sobre fantasia. E agora estou aqui! \o/

2- Todo escritor, normalmente é também um grande leitor. Conte-nos quem são seus autores favoritos? Algum deles inspirou a sua escrita?

Minha escritora favorita sem dúvida é a Paula Pimenta. Já fui em vários lançamentos, conversei com ela e até viajei! Ela sempre me inspirou como pessoa, mas como escritora eu me inspiro na força de vontade e no caminho que ela levou pra ser quem é hoje, porque escrevemos sobre gêneros bem diferentes. Além dela gosto muito da Carolina Munhóz, Raphael Draccon e Bruna Vieira.

3- Qual foi o trecho do livro que você mais gostou de escrever?

Acho que minha parte favorita é quando a personagem principal descobre o mundo novo (isso não é spoiler! tá na contracapa!). É o momento em que mais vejo a cena na cabeça e foi muito legal de sentir o que a personagem sentia como se fosse real. É o momento em que você sai da realidade para ter uma nova experiência. E tudo o que é novo é no mínimo curioso.


4- Qual de seus personagens é o seu favorito ? Por que? O que ele significa para você?

Meu!Difícil dizer qual dos meus personagens é meu favorito, eu amo todos! Até os vilões! hehe. A que eu mais gosto é a Charlee. Ela é uma personagem doce e está sempre em busca de coisas novas. E ela é muito fofa. A Charlee sempre foi a amiga que gostaria que existisse na minha vida, alguém que pudesse saber como eu me sinto só pelo olhar. Além disso, ela é uma das personagens mais criativas que já criei! Leiam o livro pra saber por quê! Haha.

5- Qual o significado do seu livro para você? o livro já mudou de alguma forma a sua vida?

O "A Guardiã e o Despertar do Espírito" é meu primeiro livro escrito e publicado, portanto é uma grande marca na minha vida! É um sonho realizado. Sem o livro, acho que eu não saberia dizer quem eu seria hoje. E o lançamento dele mudou totalmente a minha vida. Pela primeira vez foi como sentir toda a atenção só pra mim e muitos elogios de uma vez só. O que é muito legal. Falar com várias pessoas e ver que elas estavam mesmo interessadas em uma história que eu criei não tem palavra pra descrever! É maravilhoso!

6-Como se sente quando vê que as pessoas estão gostando do seu trabalho?

Muito feliz e gratificante ver que as pessoas estão gostando de algo que antes fazia parte só da minha cabeça. Uma amiga minha disse que já terminou o livro, e o lançamento foi ontem! Digamos que ele tem 455 páginas e que não seja lá tão pequeno! Quando alguém lê sem parar é sinal de que está gostando né? (Espero que sim hahaha).

7- Qual a emoção de ter seu primeiro livro publicado?
  
Maravilhosa! Ter um livro publicado é uma realização muito grande, e eu fico muito feliz de ter conseguido isso com a minha idade! Eu espero poder publicar muuuuitos outros! Acho que não tem palavras para tamanho sentimento. Sério.

8- Você tem alguma inspiração quando escreve ou tudo vai simplesmente surgindo?

Um pouco dos dois. A Bruna por exemplo, personagem principal do livro, veio na minha cabeça do nada. Os personagens aparecem de repente na minha cabeça  e contam sua história. Eu fico vendo pequenas cenas, como um filme e vou anotando. Às vezes elas desaparecem, então preciso me concentrar e ficar horas olhando para página em branco até que algum personagem comece a falar de novo. É meio louco, mas é muito legal.

9- Qual seria sua maior "dica"para quem quer começar a escrever "Profissionalmente"? 

Minha maior dica é trabalho duro. Não se consegue nada se não for atrás. Persistência é uma virtude que precisa estar do seu lado sempre. Tanto para conseguir escrever, para terminar uma história ou até mesmo publicar. Existem muitas dificuldades no caminho, vários nãos. É sempre bom também que alguém leia e diga o que acha que pode melhorar. Uma segunda pessoa que não vive no mesmo mundo que seus pensamentos pode não entender coisas que para você está completamente explicado. Receber críticas construtivas ajuda e elogios também, né? Porém, tem de sempre se lembrar de que a escrita e a história são suas, nunca mude o que achar que não deve mudar. Acho que acabei falando mais de uma hehe.

10-Quais são os seus próximos planos literários? Tem algum projeto em andamento que possa revelar?

Muitos hahah. O próximo livro é o segundo da série "A Guardiã". Já estou escrevendo e posso adiantar que tem muito mais emoção que o primeiro! hehehe. Além da série tenho ideia pra mais 7 livros mais ou menos, cada um de um gênero diferente, mas ainda não comecei a escrever.

Muito obrigado novamente, por conceder essa entrevista. Agora para finalizar o espaço é todo seu: Deixe uma mensagem/recado para seus leitores.

Muito obrigada você pela entrevista! Adorei responder as perguntas!
Muito obrigada também você que leu! Espero muito que tenham gostado da entrevista e que gostem do livro! Eu mal posso esperar pra saber o que acharam! Não se esqueçam de que todo mundo tem uma história pra contar, então, com persistência, qualquer um pode escrever um livro! \o/

Para mais informações acesse:
Facebook: Aqui
Site Oficial: Aqui


3 comments

Vanessa Sueroz 16 de setembro de 2015 05:07

Oie,
não conhecia nem a autora nem o livro, mas ameiii essa capa, que linda!!!
Concordo com ela Persistência é a arma dos autores rs.

bjos
http://blog.vanessasueroz.com.br

Greice Blogando Livros 16 de setembro de 2015 12:51

Nossa, que capa linda! E ela começou a escrever bem cedinho. Eu também escrevia mas nunca guardei nada porque não achava que ia publicar e até porque nem me imaginava fazendo isso. rsrsrsrs Mas ela tem muita criatividade para escrever fantasia, eu sempre penso em romance ou drama. Parabéns!

Beijos,

Greice Negrini

Blogando Livros
www.amigasemulheres.com

Priih 16 de setembro de 2015 17:30

Oie!
Que inspirador ver uma autora tão jovem com seu livro publicado.
Adorei. =)
Beijos,

Priscilla
http://infinitasvidas.wordpress.com

Postar um comentário