Resenha: Hibridos - A Volta dos Nefilins


Livro escrito por Cicero Leitão, com 144 paginas de muito mistério, e lançada pela Editora Litteris.

Dona Carminha um Beata viúva , Já com seus setenta e poucos anos, sempre saia de casa as cinco e meia da manha para ir á igreja.

"Tinha um compromisso com Deus, era o que ela sempre dizia, porque Deus lhe dava vida e o minimo que podia fazer era frequentar as missa"

Foi quando em uma de suas idas a Igreja, em um dia de Inverno dos "Bravos", presenciou um assassinato de forma brutal.

"Em vez de fieis, a igreja ficou repleta de policiais e repórteres que rodeavam o cadáver para conseguir o melhor ângulo para as fotografias"

Inspetor Edgard tinha quarenta anos e estava a quinze na policia, era um homem sereno e foi quem tomou conta das investigações do assassinato. Grandes surpresas o aguardavam, o que aconteceria dali em diante mexeria com seus pontos de vista, seus medos e até com suas convicções.

Bárbara investigadora tinha uma beleza que despertava interesse nos homens e inveja nas mulheres. Seus olhos eram inteligentes e negros como a noite. O corte Chanel dos seus cabelos, pretos e lustrosos, deixava visível a discreta tatuagem que tinha na nuca. Edgard sentia grande atração por Bárbara, mas não tinha coragem de declarar seu amor por ela.

Adorei a escrita do Cicero, uma escrita que fluiu perfeitamente e me prendeu ao livro. Li em um dia!

O Cardoso foi um dos personagens que me identifiquei bastante e dei varias gargalhadas kkkkk toda vez que penso nesse trecho. 

"Faltou só dar adeusinho" Cardoso

Um estoria que vai te impressionar com seres sobrenaturais Hibridos, Neflins, Ferret e muito mais, não deixe de ler esse livro!

Avaliação:





1 comment

Becca Martins 18 de janeiro de 2016 13:08

Oi Cris!!
Amei a resenha. Fiquei me perguntando se a dona carminha tinha algum tipo de ligação com Edgard e Bárbara, além do assassinato.
Não conhecia o livro, mas me animei. Amo livros rapidinhos de se ler.
Beijocas!
Umlugarparaleresonhar.blogspot.com

Postar um comentário